Website on global south and decolonial issues.

Ursula Biemann

Suíça, 1955. Artista, teórica e curadora, produziu muitos trabalhos sobre migração, mobilidade, tecnologia e género. Numa série de vides exibidos internacionalmente, como em vários livros “Been there and back to nowhere” (2000), “Stuff It – The Video Essay in the Digital Age“ (2003) e na sua monografia „MISSION REPORTS“ (2008) abordou a dimensão do género no trabalho de migrantes, desde o contrabando na fronteira de Marrocos-Espanha até às trabalhadoras de sexo no contexto global. Os seus ensaios de video experimental estabelecem relação entre um nível teórico com uma micro perspectiva sobre práticas políticas e culturais no terreno.

geobodies

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.