Website on global south and decolonial issues.

CHAMADA DE TRABALHOS PARA CONFERÊNCIA INTERNACIONAL GÉNERO NA ARTE DE PAÍSES LUSÓFONOS: CORPO, SEXUALIDADE, IDENTIDADE, RESISTÊNCIA

27 – 28 OUTUBRO 2017 (6ª feira – Sábado) FCSH- Universidade Nova de Lisboa 

Tony GumTony GumA conferência internacional Género na Arte de Países Lusófonos: Corpo, Sexualidade, Identidade, Resistência integra-se num conjunto de eventos organizados pelo Museu Nacional de Arte Contemporânea – Museu do Chiado (MNAC-MC), pelo Centro de História de Arte e Investigação Artística (CHAIA) da Universidade de Évora (UE) e Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais (CICS.NOVA) da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (FCSH/UNL) que têm como objetivo principal debater de um modo transdisciplinar as questões de género no panorama artístico de países lusófonos contemporâneo (século XXI) desafiando assim os modelos tradicionais de produção de conhecimento do Norte Global. Com esta conferência procuramos juntar pessoas de diferentes contextos e proveniências que debatam estas questões de modo a contribuir para a construção de uma plataforma de troca de ideias, de experiências, de oportunidades de criação, de partilha e de solidariedade. As contribuições vindas de académicos, artistas, curadores, activistas, entre outras pessoas que demonstrem interesse em reflectir sobre estes temas são bem-vindas.

TÓPICOS

Esta conferência pretende reunir pessoas de diferentes países das lusofonias, vindas da academia, do activismo e de outras áreas, para reflectirem e dialogarem, de um modo crítico, transdisciplinar e sistémico, sobre a questão do género no foro da arte e da cultura contemporâneas. 
As contribuições devem focar-se na área das artes e da cultura e abordar, entre outras questões relevantes:
● O cruzamento da arte focado no género com perspectivas feministas, LGBTI, queer e pós-colonialistas;
● Representações de corporalidades e performatividades que questionam as categorias fixas de sexo, género, identidade sexual e desejo fazendo emergir novos discursos culturais identitários de subjectivação e autodeterminação, assertivos e autónomos;
● O género enquanto dimensão intrinsecamente ligada a outras, como a raça, a orientação sexual, a classe, a cultura, a idade, a (dis)capacidade e a educação, que conjuntamente produzem dinâmicas interaccionais específicas hierarquizadas;
● Num mundo globalizado, a combinação, de modo diversificado e complexo, de múltiplos hábitos sexuais e regimes de género, vindos de pessoas com diferentes pertenças no que respeita à cultura, nação e religião, multiplicam as configurações e variações das dimensões de género em que é possível viver;
● O modo como os corpos das minorias descriminadas como as mulheres, os gays, as lésbicas, transgénero e transsexxuais, entre outros, são afectados pela desigualdade de género que os oculta;
● Histórias de vida – herstories, e queerstories – em espaços e temporalidades concretas que mostram por meio de múltiplos suportes artísticos as suas vivências, passando-as do silêncio à representação revelando o que anteriormente fora proibido, escondido e ignorado no campo do desejo e da sexualidade;
● A dimensão de género na esfera íntima – nas relações, decisões e gestos da vida quotidiana – enquanto espaço onde se exerce o poder;
● Grupos culturais alternativos ligados ao apoio e divulgação de práticas artísticas centradas em identidades não heteronormativas sublinhando e revelando as ficções, as construções sociais e relações de poder em torno das categorias de género binárias;
● Os discursos que defendem a ‘naturalidade’ das identidades e sexualidades normativas que procuram impor;
● O «devenir» (tornar-se, transformar-se) beauvoiriano do género –desvendando as estruturas e processos responsáveis pela própria formação do género;
● O pós-pornográfico enquanto discurso e espaço de afirmação da vontade de criação que se distancia e recusa o discurso pornográfico heteronormativo;
● Personae e máscaras de género que rompem e questionam os discursos sociais, nomeadamente os dos meios de comunicação de massas, considerados responsáveis pela alienação, deturpação e criação de estereótipos de género, e pela percepção das sexualidades como meras mercadorias dessubjectivadoras.

SUBMISSÃO DE COMUNICAÇÕES

Por favor envie resumos ou propostas em português – até 250 palavras para resumos individuais e até 500 palavras para propostas de painéis -, uma nota biográfica curta (até 50 palavras) e o seu contacto para generonaarte2017@gmail.com até 1 de AGOSTO de 2017 e será contactado até 7 de AGOSTO sobre a elegibilidade da sua proposta. No caso de ser aplicável, refira de igual modo informações que considere necessárias sobre as suas necessidades técnicas, espaciais, temporais ou outras.

PUBLICAÇÃO
Será publicado na web um livro de resumos das comunicações apresentadas na conferência. Posteriormente à conferência, todos os oradores serão chamados a submeter um artigo que será sujeito a revisão cega por pares. Os artigos seleccionados serão publicados num número especial da revista Faces de Eva (indexada na SciELO e na LATINDEX).

ACESSIBILIDADE

O local da conferência é acessível por cadeira de rodas. Se tiver outras necessidades de acessibilidade por favor contacte-nos via email.

PAGAMENTOS

INSCRIÇÃO ATÉ 1 DE SETEMBRO
Inscrição para estudantes, desempregados e provenientes de países de baixo rendimento: 75 €
Inscrição regular: 130 €

INSCRIÇÃO ATÉ 30 DE SETEMBRO
Inscrição para estudantes, desempregados e provenientes de países de baixo rendimento: 95 €
Inscrição regular: 155 €

OPÇÕES DE PAGAMENTO

Para pagamentos dentro da União Europeia – transferência bancária
Banco: IGCP – Instituto de Gestão da Tesouraria e do Crédito Público, I.P.
IBAN: PT50 0781 011200000006399 80
BIC SWIFT: IGCPPTPL
Titular da conta: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas
Morada: Av. Berna 26C, 1069-061 Lisboa
Descritivo: GNA2017
O campo do Descritivo é fundamental para que possamos localizar o seu pagamento.

Para pagamentos fora da União Europeia – PayPal
PayPal para o qual o pagamento deve ser feito: dgfc@fcsh.unl.pt
Descritivo: GNA2017
O campo do Descritivo é fundamental para que possamos localizar o seu pagamento.

DADOS PARA EMISSÃO DE RECIBO

Nome completo, Morada e NIF.

FINALIZAÇÃO DE REGISTO

Para finalizar o seu registo é necessário que nos envie um e-mail com o comprovativo de pagamento. Se não o fizer não conseguiremos registar o seu pagamento nem confirmar o seu registo. O comprovativo de pagamento, seja da transferência bancária, seja do pagamento PayPal, deve ser enviado para o endereço de e-mail generonaarte2017@gmail.com
Se seleccionou a tarifa reduzida de estudante, envie-nos, por favor, cópia do cartão de estudante juntamente com o comprovativo de pagamento.

LOCAL DA CONFERÊNCIA E CONTACTO

FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS DA UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA – TORRE B
Av. de Berna 26 C
1069-061 Lisboa
e-mail: generonaarte2017@gmail.com

COMO CHEGAR

Comboios – CP – Entrecampos – www.cp.pt
Metro – Linha Amarela – Campo Pequeno – www.metrolisboa.pt

https://www.generonaarte.uevora.pt/chamada-de-trabalhos.html

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.