Website on global south and decolonial issues.

“Luanda é bonita”, com encenação de Miguel Hurst

O actor e encenador Miguel Hurst está a dirigir na capital angolana a montagem do espectáculo Tanta asneira para dizer… Luanda é bonita. Estreia no próximo dia 8 de Dezembro, no Nacional Cine Teatro e conta com a interpretação de actores muito conhecidos do público angolano, como Orlando Sérgio, Raul do Rosário, entre outros.

O texto, de Nuno Milagre, relata “um assalto de esquina na noite de Luanda”. Tal “como no jogo e no amor ou como na pesca – pode ler-se na sinopse – raramente as coisas acontecem como planeado”. Desta forma, e em registo de comédia, a conversa de cinco amigos transforma-se num “julgamento informal, num jogo aberto onde todos podem sentar no banco do soba e no tronco de réu”.
Para além de Orlando Sérgio e de Raul do Rosário, o espectáculo tem ainda as interpretações de Edusa Chindecasse, Hélio Taveira, Naede Branco e Yuri de Souza.
“Luanda é bonita” tem sessões marcadas para o Nacional Cine Teatro para os dias 8 a 10 e 14 a 16 de Dezembro e retoma em Janeiro de 2012, nos dias 19 a 21 e 26 a 27, sempre às 20h30.
As associações Chá de Caxinde e 25 de Abril, o Elinga Teatro, as Edições Novembro e o Goethe Institut Angola apoiam a iniciativa, produzida pelo Prokecto Mukange.

 

Tirado de Cena Lusófona

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.