Website on global south and decolonial issues.

Morreu o Rei dos Nalús

Soube agora que faleceu Aladje Salifo Camará, o Rei dos Nalús, em Cadique, na Guiné Bissau. Em Dezembro fomos lá visitá-lo à Tabanka Farim com Pepito, que se sentia seu filho. O Rei dos Nalus agradeceu-nos que filmássemos para levarmos uma imagem do povo da Guiné Bissau unido. Ele era a clássica biblioteca viva, sabia tudo sobre os factos e histórias dos últimos cem anos, filósofo e combatente da independência da Guiné-Bissau. Tinha palavras sábias para as coisas das mais diversas naturezas, e de uma humildade rara. Pepito recorda que costumava ir para casa descodificar as metáforas durante dias a fio. Desta vez lembrou-lhe as laranjas que lhe oferecia sempre que lá ia visitá-lo e que comia com especial satisfação. Pediu-lhe desculpa por ter comido as laranjas todas. Ele riu-se e disse: “Fomos nós os dois, juntos, que démos cabo delas.”

Desta vez fez uma espécie de discurso de despedida, que privilégio ter estado lá. 

rei dos nalús e sua esposa, foto de Marta Lança, dez 2010rei dos nalús e sua esposa, foto de Marta Lança, dez 2010

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.